Luz e Sombra

Luz e Sombra

logo_aquário_azul_zoom

O Zodíaco é um encadeamento, uma engrenagem de energias, manifestação da vida universal. Não podemos negar que a vida exista embora não a enxerguemos; negar o Zodíaco matemático seria negar a existência da vida universal.

Há no ser humano uma revolta contra a ideia de que forças maiores atuam sobre ele, condicionando sua vida em determinado sentido. Com razão: no período em que o homem ainda não tinha compreensão da unidade existente entre Criador, criação e criatura, ele tinha de explicar suas alegrias e sofrimentos culpando um destes três aspectos. Mas chegamos agora a uma era de consciência cósmica e sabemos que o átomo é um sistema solar em miniatura e o homem um universo dentro do universo.

Ao escrever, certa vez, as virtudes de cada signo, dispondo-as no círculo do Zodíaco em lugar dos símbolos e hieróglifos, compreendi então que as virtudes de um dependem das virtudes do seu oposto. Desde então tenho uma nova forma de compreender e explicar os signos zodiacais, segundo a bipolaridade de luz e sombra.

Quando dizemos que o Sol está no signo de áries, é porque a Terra está transitando no que chamamos de Libra ou Balança.

Áries, primeiro signo, significa a força criadora que parte do início-energia. é simbolizado o carneiro, porque esta força parte do nosso cérebro, assim como o carneiro usa a cabeça para derrubar os obstáculos. A Terra, projetando sua sombra, interrompe a vibração que foi iluminada pelo Sol (ver desenho), assim como  o ser humano, ao nascer no universo visível, divide as energias numa dualidade de luz e sombra.

Áries, significa energia, ação, o “eu sou”, a independência do homem. Balança significa a harmonia, o medir, o “tu és”, a cooperação da humanidade. Se uma criança nasce com o Sol em Áries, recebe a sombra na Balança, e pelo fato de uma vibração ser iluminada sem ter a outra em equilíbrio, surge o que chamamos “defeitos”. Ou seja:

– A energia de Áries sem a harmonia da Balança provoca a violência e impaciência. O agir sem medir as consequências causa as lutas e os fracassos. A independência sem o sentido de coletividade causa o egoísmo.

– Da mesa forma, o medir, sem agir, é vacilar. Considerar os outros sem impor os próprios direitos, tora o indivíduo um frouxo.

Os defeitos e as lutas, por consequência, não vêm dos signos, mas da ignorâncias das energias que estão na sombra. “Luz e sombra” não quer dizer “bem e mal”, mas somente ação e repouso A

chave da sabedoria na vida é, pois conscientizar-se das forças que estão na sombra, passivas ou no subconsciente.

Peço aos alunos meditarem sobre a sabedoria com que os antigos chamam o primeiro eixo zodiacal de Ãries-Libra..

A Verdade da minha cabeça depende do Direito da tua cabeça

Emma de Mascheville